be_ixf;ym_202109 d_27; ct_100
FECHAR
Images from Dew Tour Skate Event.
NOVIDADES

Os Skatistas da Monster estão prontos para os Jogos Olímpicos de Tóquio

Jun 292021

Apenas algumas semanas antes da estreia do skateboarding na maior vitrine de esportes do planeta! A Monster Energy tem o orgulho de anunciar os membros da equipe de skate oficialmente qualificados competindo nas modalidades Skateboard Street e Park nos próximos Jogos Olímpicos em Tóquio, no Japão. Conforme confirmado pela World Skate, o órgão oficial do skate nas Olimpíadas em 9 de junho, a lista de elite de 80 skatistas qualificados de todo o mundo inclui onze skatistas Monster Energy.

Em comemoração ao evento histórico, a Monster Energy lançou um vídeo com todos os onze skatistas olímpicos qualificados: Disponível agora nas redes sociais da Monster Energy, "Nos vemos em Tóquio!" mostra cada atleta realizando algumas manobras em sua estrada individual para Tóquio. Assista à edição curta aqui.

Liderando o ataque, Nyjah Huston, de 26 anos, de Laguna Beach, Califórnia, representará a equipe dos EUA como a classificatória número um na Men’s Skateboard Street no World Skate Olympic Qualifier Rankings. Com o total de 269.900 pontos, o campeão da Super Crown de skate da Street League está indo para Tóquio como favorito do pódio. No Skate Feminino, o fenômeno do skate Rayssa Leal, de 13 anos, de Imperatriz, Brasil, se classificou para as Olimpíadas em segundo lugar. Ela é seguida pelo novo skatista da equipe Monster Energy e campeão mundial de 2021 Street Skateboarding, Aori Nishimura de 19 anos de Tóquio, Japão.

 

Prepare-se para testemunhar a história em construção quando o skateboarding for apresentado pela primeira vez como um esporte olímpico em duas modalidades: Skateboard Street, disputada de 25 a 26 de julho (horário local do Japão), e Skateboard Park (4 a 5 de agosto). Um total de 26 nacionalidades diferentes estarão representadas nos dois eventos de skate combinados. O skate está entre as últimas novidades das Olimpíadas, ao lado do surfe e do BMX. No geral, os atletas competirão em um total de 41 eventos esportivos de 23 de julho a 8 de agosto de 2021, em Tóquio.

 

Todos os skatistas qualificados batalharam muito para ganhar um dos cobiçados ingressos para as Olimpíadas. Nos últimos dois anos, milhares de skatistas competiram em eventos qualificatórios globais, incluindo Street League Skateboarding (SLS) World Tour, série International Skateboarding Open (ISO), Dew Tour e Campeonatos Nacionais em seus respectivos países.

 

Agora a espera acabou: no dia 9 de junho, a World Skate finalizou o ranking global e os 80 skatistas - 20 homens e 20 mulheres por disciplina (Street e Park) - estão garantidos. Fique atento aos seguintes atletas da Monster Energy em eventos de skate a partir de 25 de julho nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020 em Tóquio:

No Skateboard Street masculino, 20 atletas representando 17 países estarão competindo pela primeira medalha de ouro olímpica concedida no esporte. A conversa sobre os favoritos à medalha de ouro inevitavelmente inclui o skatista de rua mais vencedor da história, Nyjah Huston da Monster Energy. O jovem de 26 anos tem 19 medalhas no X Games no total (13 de ouro, 4 de prata, 2 de bronze) e é o atual campeão mundial SLS após conquistar seu terceiro título consecutivo em 2019. A caminho de Tóquio, Huston dominou as tabelas de classificação com vitórias no SLS World Tour Stop 2019 em Londres, Inglaterra, e sua recente vitória no Dew Tour Des Moines 2021. Totalizando 269.900 pontos no ranking do World Skate, ele chegou a 50.000 pontos à frente do próximo competidor. Cuidado com Nyjah quando chegar a hora de mandá-lo para Tóquio!

 

No Skateboard Street Feminino, uma das competidoras mais jovens também é uma das maiores ameaças ao pódio: Rayssa Leal, de 13 anos, de Imperatriz, Brasil, qualificada em segundo lugar entre a elite mundial de skatistas de rua. Seu caminho para Tóquio incluiu uma vitória no SLS World Tour Stop 2019 em Los Angeles. O prodígio também conquistou o segundo lugar no Campeonato Mundial SLS 2019 de São Paulo, Oi STU Open Rio de Janeiro 2019 e Dew Tour Des Moines 2021. Conhecida por suas manobras em grandes corrimãos, Leal acabou de ficar em terceiro lugar na Rua Roma 2021 Campeonato Mundial de Skateboarding e em primeiro lugar no Campeonato Brasileiro. Um total de 235.200 pontos de qualificação falam por si. Mencionamos que ela tem apenas 13 anos?

 

Nos Jogos de Tóquio, Leal enfrentará forte competição de sua nova companhaeira de equipe Monster, Aori Nishimura, de 19 anos, de Tóquio, Japão. Recém campenã no 2021 Street World Championships em Roma, a estreante profissional já conquistou o ouro consecutivo dos X Games em Minneapolis e na Noruega para elevar sua contagem de medalhas de ouro para três. Ela também se tornou um nome conhecido ao vencer o Campeonato Mundial da Street League no Rio de Janeiro, Brasil, em janeiro de 2019. Agora, tudo que ela precisa é uma medalha de ouro olímpica - e ela tem as habilidades para fazer isso acontecer.

 

Falando em habilidades para fazer acontecer, Kelvin Hoefler, de 27 anos, do Guarujá, Brasil, ganhou sua vaga no evento Masculino Skateboard Street em quarto lugar ao se classificar consistentemente nas finais de todos, exceto um evento de qualificação nos últimos dois anos. Ele ficou em segundo lugar no International Skateboarding Open (ISO) Henan 2019 com sua habilidade de entregar manobras difíceis quando é preciso. O anterior SLS Super Crown Champion ganhou competições de alto nível, como Dew Tour, Street League Skateboarding e X Games, onde detém cinco medalhas de skateboarding de rua (2 ouro, 1 prata, 2 bronze). Você pode assistir à história da origem de Hoefler no episódio 2 da série de minidocumentários ‘Aspire - Inspire’.

 

Quando se trata de graça sob pressão, não conte com as habilidades técnicas de Skatingboard de rua de Aurelien Giraud, de Lyon, França, de 23 anos. Desde que se destacou ao vencer a cobiçada competição de skate de rua Tampa Am em 2015, o novato conquistou vitórias em eventos importantes como Simple Session (2016 e 2017), FAR'n High (2019) e Dew Tour Championship (2019) . Giraud também venceu o Campeonato Nacional da França (2019) e ficou em terceiro no Dew Tour Des Moines 2021 para se qualificar para Tóquio em sexto lugar. Ele está falando sério sobre reivindicar uma medalha para a França, basta assistir seus preparativos para as Olimpíadas de 2021 no Episódio 1 de ‘Aspire - Inspire’!

 

Também no Skateboard Street Masculino, fique atento a Matt Berger, de 27 anos, de Kamloops, Canadá, que chegou ao Japão com um grande saco de truques e consistência. Como finalista do Dew Tour 2019 e do Street World Championships Rome 2021, Berger subiu para o décimo lugar no ranking de qualificação - e tem energia para subir ainda maior. Além do mais, prepare-se para a energia estreante de dois skatistas Monster da América do Sul com 20 anos de idade: Representando o Brasil, Giovanni Vianna se manteve firme contra os melhores dos melhores em competições como o SLS World Tour Stop Los Angeles 2019. Ele será acompanhado em Tóquio pelo mais novo skatista da equipe Jhancarlos Gonzalez de Columbia, que pode ser apenas o maior coringa dos Jogos de Tóquio.

Fique atento a três skatistad Monster Energy quando a ação entrar na disciplina de Skateboard Park. Disputado em um percurso com tigelas verticais salpicadas com elementos de rail e parede inspirados nas ruas, o evento contará com atletas de 18 países diferentes em competições masculinas e femininas.

 

Representando o Japão como país-sede do Skateboard Park Masculino, Ayumu Hirano, de Murakami, de 22 anos, já tem duas medalhas olímpicas de prata em seu nome. Como? Isso porque o fenômeno do snowboard, que enfrentou Shaun White nos principais eventos internacionais de snowboard superpipe, é um verdadeiro atleta multi-terreno. Criado no skatepark de seu pai com uma dieta constante de patinação vertical desde os 4 anos, o campeonato japonês de Halfpipe tem a chance de fazer história como o primeiro skatista japonês a receber medalhas em snowboard e skate. Quem disse que o skate nas Olimpíadas não seria especial? Se liga na jornada do skatista multi-talentoso para as Olimpíadas no Episódio 4 de ‘Aspire –Inspire’. Filmado em locações na cidade de Murakami, o vídeo de 12 minutos mostra o multi-talentoso piloto a caminho de Tóquio como o skatista japonês com melhor classificação qualificada para as Olimpíadas.

 

Também dificilmente é mais especial do que a atleta Monster Lizzie Armanto, que se classificou para o Skateboard Park Feminino em quinto lugar para representar a Finlândia (devido sua dupla cidadania). Um verdadeiro ícone do esporte, a jovem de 28 anos de Santa Monica, Califórnia, conquistou o ouro em sua estreia nos X Games em Barcelona em 2013 e fez história em 2018 como a primeira skatista feminina a completar o lendário obstáculo 'Loop of Death' . Armanto ganhou sua passagem para Tóquio com destaques como o segundo lugar no Dew Tour Long Beach 2019 e mal podemos esperar para ver seu estilo exclusivo em um cenário olímpico.

 

Por último, mas não menos importante, um verdadeiro pioneiro do skate vertical está indo para Tóquio: Representando a Dinamarca, Rune Glifberg, de Copenhague, 46 anos, ficou em primeiro lugar no Campeonato Nacional Dinamarquês em Skateboard Park e entrou na lista dos 20 melhores qualificados para as Olimpíadas. Tendo competido nos primeiros X Games em 1995, Glifberg agora detém 12 medalhas nos X Games (2 de ouro, 3 de prata e 7 de bronze) e construiu uma das carreiras mais respeitadas e bem-sucedidas no skate. Depois de vencer todas as competições de skate vertical de alto nível na década de 1990 e no início de 2000 pelo menos uma vez, Glifberg foi imortalizado como personagem jogável na série de videogames Tony Hawk’s Pro Skater. Agora ele pode adicionar "skatista olímpico" a uma longa lista de feitos. Você pode assistir à ascensão do ícone do skate duradouro no Episódio 3 de ‘Aspire - Inspire’, que destaca a história de Glifberg.

COMPARTILHAR ESSE ARTIGO:

RECOMENDADO

PARA VOCE